Suspeito de ter matado funcionário da Marituba, Dênio Cruz, aterrorizava em povoado de Piaçabuçu

Populares de uma localidade conhecida como Iraque, zona rural de Piaçabuçu, denunciaram que um foragido da justiça se encontrava nas imediações efetuando disparos com arma de fogo em via pública.

Uma operação desencadeada às 13:00hs desta terça, 22 de outubro, na cidade  de Piaçabuçu apreendeu uma espingarda calibre 12 na provável residência aonde abrigava o fugitivo. A ação contou com Policiais do GPM e Delegacia de Piaçabuçu..

Devido as denuncias feita pela população do Povoado Penedinho, policiais foram averiguar onde afirmavam que na localidade conhecida por IRAQUE morava um foragido da justiça de nome MACIEL FEITOSA DOS SANTOS. Ele é suspeito de ter matado o funcionário da Marituba, Dênio Cruz de Lima no dia 08 de julho deste ano.

Após investigação, os agentes identificaram a casa do suspeito, apesar de estar desocupada no momento da abordagem, nela foi encontrada: uma arma de fogo, rolimãs, espoletas, pólvoras, buchas, faca e Facão. O proprietário da residência, após ser encontrado, foi conduzido à delegacia local para esclarecimentos.

Maciel Feitosa dos Santos

Não há informações sobre o suspeito de ter matado Dênio Cruz de Lima até o momento.

Relembre o caso

O impasse aconteceu quando Dênio Cruz de Lima, 32 anos, comprou uma motocicleta Honda Fan a Maciel Feitosa dos Santos. Ao transferir o documento para seu nome, Dênio teria então notado várias pendências financeiras da moto em torno de R$3.000,00. A vítima então foi tentar dialogar com o vendedor, porém não voltou mais. Na manhã de 9 de julho deste ano de 2013, populares encontraram em um canavial o corpo de Dênio Cruz de Lima já sem vida. Com isso a polícia tinha como principal suspeito o vendedor da motocicleta que não era visto desde 08 de julho, dia que provavelmente aconteceu o crime.

fonte: boainformação

Compartilhe!

Essa notícia há 0 Comentários

Deixe um comentário